Sucesso de público, curso sobre interconsulta em hemostasia e trombose e encontro do Comitê de Hematologia e Hemoterapia Pediátrica da ABHH reúnem mais 300 especialistas

Na última sexta-feira (27) e sábado (28), aconteceu o Curso da Escola Brasileira de Hematologia (EBH) e do IV Encontro do Comitê de Hematologia e Hemoterapia Pediátrica da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH), no hotel Grand Mercure, em São Paulo (SP). Ao todo, 330 pessoas acompanharam as aulas com os principais especialistas do Brasil.

Com o tema “interconsulta em hemostasia e trombose”, o curso da EBH explorou assuntos como trombofilia obstétrica, distúrbios adquiridos da hemostasia, coagulopatias hereditárias e risco de tromboembolismo venoso (TEV) com o uso de contraceptivos orais, entre outros. O Dr. Erich Vinícius de Paula, coordenador do Comitê de Hemostasia e Trombose da ABHH, destacou a importância da interconsulta em hemostasia e trombose na rotina do hematologista.

“O hematologista interage bastante com outros especialistas e grande parte das interconsultas estão ligadas à hemostasia e trombose. Acredito que este seja um tema muito importante para os profissionais desta área”, disse o especialista, que também coordenou o evento, no qual estiveram presentes cardiologistas, infectologistas, ginecologistas e obstetras.

Hematologia e Hemoterapia Pediátrica

Durante o IV Encontro do Comitê de Hematologia e Hemoterapia Pediátrica da ABHH, os puderam acompanhar as principais novidades sobre anemia falciforme, metabolismo do ferro, transplante de medula óssea, neutropenia e doenças hematológicas em recém-nascidos, entre outros. Objetivo foi esclarecer de forma interativa as dúvidas que surgem na rotina do hematologista, segundo a Drª Sandra Regina Loggetto, coordenadora do Comitê. O Encontro superou as expectativas de público, com 120 participantes.

“Procuramos trazer dúvidas e respostas que pudessem ser dividas com a plateia e aprender de forma conjunta. Creio que conseguimos esse objetivo e termino este evento com a sensação de dever cumprido”, finalizou a especialista.

Na sexta-feira, houve uma atividade conjunta os participantes dos dois eventos a fim de integrá-los e abordar o TEV em crianças. A Drª Soraia Rouxinol explicou que no paciente infantil, o tromboembolismo venoso é causado principalmente pelo uso de cateter e, geralmente, é multifatorial, ou seja, ocorre por conta de outras doenças.

Veja as fotos dos eventos nas redes sociais da ABHH. 

HEMO 2019

Em novembro, a ABHH promove o HEMO 2019, na cidade do Rio de Janeiro, entre os dias 6 e 9 de novembro. O encontro terá os maiores especialistas do Brasil e do mundo nas áreas de hematologia, hemoterapia e terapia celular, que debaterão entre os diversos assuntos, a hemostasia e trombose e hematologia e hemoterapia pediátrica.

O HEMO é o maior congresso da especialidade da América Latina e o terceiro maior do mundo. A expectativa é que o evento reúna mais de 5 mil participantes e 400 palestrantes nacionais e internacionais, além de 1.500 trabalhos científicos. Inscreva-se em www.hemo.org.br até segunda-feira (7) e garanta a sua participação.

Siga a ABHH @abhhoficial no Instagram
e utilize a #abhhoficial